Governo prepara reforma e não deve consultar o PSDB de Cássio

Alguns interlocutores do Palácio da Redenção informam que o governador Ricardo Coutinho (PSB) estuda fazer a reforma administrativa para o começo do ano, priorizando a saída dos auxiliares candidatos nas eleições de 2014. O PSDB do senador Cássio Cunha Lima poderá ficar fora da divisão dos cargos, pois sinaliza com a entrega dos postos ocupados por tucanos.

                     reforma

Nos corredores do Palácio da Redenção fala-se que a preocupação e se o senador Cássio irá participar da discussão de divisão dos cargos. Cassistas garantem que não. Será esse momento que o governador Ricardo Coutinho (PSB) vai ter a certeza se o tucano participará da aliança da candidatura a reeleição.

Ou seja, está aceso o sinal amarelo.

Certo mesmo é que é há um forte tom de toma-lá-dá-cá. Com a possibilidade de saída dos tucanos do governo, outras legendas que seguem o senador Cássio também deverão acompanhá-lo.

Há quem arrisque que o rompimento dos aliados do Partido Social da Democracia Brasileira será de “A” a “Z”. Até o PSD do vice-governador Rômulo Gouveia está na lista do “tchau”.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.