Implantação do BRT trará inovação no transporte público da capital

Ergue-se a bandeira branca na polêmica entre a Prefeitura e o governo do Estado. A proposta de paz surge através do vereador Bira Pereira (PT), líder da bancada do prefeito na Câmara Municipal de João Pessoa. O parlamentar pediu a liberação de dois terrenos por parte do Palácio da Redenção para a construção do Terminal Metropolitano de Integração.

Orçada em  R$ 280 milhões, o projeto de implantação do BRT – Bus Rapid Transit – é uma ação do governo municipal. O assunto deveria ter sido resolvido na quarta (6) durante a reunião do ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, com o prefeito Luciano Cartaxo (PT) e o governador Ricardo Coutinho (PSB), em Brasília.

O governador não compareceu.

Necessário que a Prefeitura possa consolidar o seu projeto. Afinal de contas, os recursos, cerca de R$ 280 milhões, já estão garantidos e João Pessoa precisa de um investimento desse vulto, conforme ressaltou o prefeito Luciano Cartaxo (PT). “Trata-se de uma obra importante no tocante a mobilidade urbana”, pontuou.

No caso da implantação dos terminais do BRT, a sociedade de João Pessoa será beneficiada. O governo do Estado anunciou o trevo de Mangabeira, um investimento de R$ 20 milhões, um valor abaixo do que está sendo propalada pela Prefeitura, mas também tem sua importante sob o ponto de vista de melhoria do trânsito na zona sul da cidade.

BRT

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.