Deputados: Transformaram Hospital de Trauma num depósito de doentes

Promete ser devastador o relatório que a “Caravana da Saúde” da Assembleia irá produzir sobre a inspeção realizada na manhã desta quinta (31), no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Os parlamentares foram recebidos pela direção do complexo com ameaças, principalmente pelo secretário estadual de Saúde, Waldson de Souza.

O documento amontoa, uma sobre a outra, várias evidências de irregularidades de como não se deve cuidar da saúde. Ainda não está pronto, mas pelo que foi rabiscado já tem-se conhecimento que a “Caravana da Saúde”, comandada pelo deputado Trócolli Júnior (PMDB), não irá economizar tinhas. Momentos da inspeção foram bastante tensos.

Houve bate-boco do deputado Vituriano Abreu (PSC), que é médico, com o secretário Waldson, que se entranhou também com o deputado Trócolli, através dos microfones do programa Rádio Verdade, do Sistema Arapuan de Comunicação.

O que se sabe: o Hospital de Emergência e Trauma, atualmente gerenciado por uma tal Cruz Vermelha, que não é aquele organização internacional; está os caos. O deputado Anísio Maia (PT), líder do bloco de oposição, disse que a parte externa do complexo está mais bem cuidada do que a área externa.

“O sentimento é que as pessoas que estão sendo atendidas ali estão à beira da morte, porque o hospital não presta a assistência devida. O sujeira toma conta de todos os cômodos do hospital, que está uma lástima”, afirmou Anísio.

Sobre a ameaça de processo feita pelo secretário Waldson de Sousa, o deputado Anísio disse: “E eu tenho medo de processo desse secretário? Pode me processar duzentas vezes, mas o país vai saber o que está ocorrendo dentro do Hospital de Trauma”.

Queixoso, Waldson indagou aos deputados: “Vocês deviam ter avisado que vinham fazer essa fiscalização”. Anísio responde: “Tá doido, secretário. Já viu fiscalização com aviso prévio? Agora, o que estou vendo aqui é que vocês transformaram o Trauma num depósito de doentes, uma imoralidade, um crime o que vocês estão fazendo com essas pessoas”.

A caravana vai percorrer todos os hospitais públicos do Estado. A inspeção surpresa está apenas começando.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.