Saldo das filiações no PPS: Nonato vence adversária de goleada

O governo parece que jogou a toalha; lavou as mãos em sua tentativa de conquistar o PPS. O grupo que comanda para ficar com o controle do partido na Paraíba não filiou ninguém.

Avalia-se que perdeu o jogo para o vice-prefeito Nonato Bandeira, que filiou oito pré-candidatos aos cargos proporcionais de deputado federal e de estadual nas eleições de 2014.

“Independente do troca-troca, a deputada Gilma (Germano) negou-se a entrar em campo”, definiu Bandeira. É verdade. Até o marido da parlamentar, Buba Germana, recusou-se a migrar sua filiação do PSDB do senador Cássio Cunha Lima para o PPS. Preferiu abrigar-se no PSB do governador Ricardo Coutinho.

Segundo Nonato Bandeira, o Partido Popular Socialista perdeu, ainda, os ex-deputados João Bosco e Ramalho Leite, também o radialista Fabiano Gomes, “todos da ala do governo do Estado”, afirmou o vice-prefeito de João Pessoa.

Nonato disse que tem preferência em levar o PPS para apoiar a pré-candidatura do senador Cássio Cunha Lima ao governo do Estado, como de resto todo o grupo que o apóia para presidente da legenda. “Agora, Cássio tem que tomar uma decisão”.

Tudo indicada que o vice-prefeito Nonato Bandeira ganhou essa parada.

                     goleada

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.