REUNIÃO COM DILMA: Promessas do governo “socialista” ficaram para trás

RicarReunido com a presidente Dilma nesta segunda (24), em Brasília, o governador Ricardo Coutinho (PSB) era só arrependimento pelas muitas promessas não cumpridas até os momentos atuais do seu governo.

Depois de dois anos, seis meses e 23 dias, o governador paraibano demitiu 30 mil prestadores de serviços, fechou mais de 230 escolas, terceirizou os serviços do Hospital de Trauma, desativou a Operação Manzuá… Enfim, as promessas de campanha ficaram  em 2010.

Tornou-se alvo das manifestações que enchem as ruas da Paraíba pelas denúncias de irregularidades que rondam a gestão “socialista”, a exemplo dos gastos exagerados com alimentação para a Granja Santana.

Se não bastasse isso as contas referentes ao exercício de 2011, primeiro ano do governo do “socialista”, foram aprovadas pelo TCE com restrição do conselheiro-relator Umberto Porto.

A propósito, o que mais a presidente Dilma pediu aos governadores e prefeitos foi melhorias da educação e saúde, que na Paraíba vai de mal a pior.

Tocou na consciência do governador do Estado.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.