Pesquisa tucana atenua drama do governador candidato a reeleição

ricao

O resultado de uma pesquisa interna encomendada pelo PSDB confere ares de tragédia ao impasse em que se meteu os tucanos, que admitem reeditar a aliança com o PSB. Só que a situação re-eleitoral do governador Ricardo Coutinho não é das melhores. Sobre a consulta, o jornalista Rubens Nóbrega em sua coluna no Jornal da Paraíba analisa:

                                                                   ***

“O PSDB não tem que ‘gastar’ Cássio Cunha Lima para bater Ricardo Coutinho em 2014, caso não mantenha a aliança com o governador do PSB.

Sendo apoiado pelo senador do PSDB, qualquer candidato ao Palácio da Redenção tem chances de dar uma surra de votos no atual inquilino da Granja Santana.

Sendo tucano o candidato cassista, ou seja, ‘de casa’, aí, então… Nem precisa ser de alta plumagem. A penugem de um Ronaldo Filho já seria suficiente para acabar com a graça e o reinado girassolaico.

Ronaldinho, aliás, seria uma das alternativas do PSDB para disputar o Governo do Estado ano que vem.

O nome do atual vice-prefeito de Campina Grande figura entre possíveis candidatos numa pesquisa sobre intenções de voto encomendada pelo PSDB.

Nessa pesquisa, se as eleições para governador fossem realizadas hoje Cássio teria o dobro dos votos que seriam dados a Ricardo.

Tirando o senador da parada e deixando em seu lugar um candidato por ele apoiado, nesse cenário haveria um empate técnico com o governador.

Pra vocês terem uma ideia, a situação de Ricardo é tão complicada que Ricardo empataria com o concorrente cassista até mesmo em João Pessoa, em tese ainda o principal reduto eleitoral de Sua Majestade.

Pior: ele empataria na Capital inclusive com Ronaldo Filho, que nunca disputou um cargo eletivo até 2012 (ano em que se elegeu vice em Campina) e jamais sonhou militar politicamente em João Pessoa.”

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.