Bira livre da perseguição “socialista”, que queriam vê-lo pelas costas

Perseguido desde o processo eleitoral do ano passado até os dias atuais, o vereador Bira Pereira pode comemorar a saída do PSB sem correr risco de perder o mandato por infidelidade partidária.

A garantia foi dada pelo Ministério Público Eleitoral, que acatou solicitação feita pelo parlamentar no último dia 27. O procurador eleitoral substituto Rodolfo Alves Silva assinou o parecer favorável ao ex-socialista.

O bom filho sempre a casa retorna e Bira deve voltar sua filiação ao PT, de onde não deveria ter saído.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.