Governo e oposição preparam-se para uma ‘nova’ disputa

Pra variar, a Assembleia começa a compor as comissões temáticas num clima de disputa acirrada. Os deputados governistas proclamam que vão bater chapa com a oposição pela presidência de duas delas, as mais importantes do parlamento: Constituição e Justiça e de Orçamento Pública.
Ambas são controladas pela oposição. A Comissão de Constituição e Justiça passam todas as matérias, desde projetos, leis complementares e Emendas a Constituição. A de Orçamento trata de matéria financeira. Cada uma delas tem sete integrantes.
Pela proporcionalidade, quem tem maioria no colegiado ficará com o número maior de integrantes. As bancadas do PMDB e do PEN tem ampla maioria. Portanto, a oposição ficará com quatro acentos, enquanto governistas três cadeiras. Perderia no voto.
Da base do governo, o deputado Tião Gomes (PSL) lançou-se candidato a presidente da Comissão de Justiça. “Vamos estar no centro da disputa, eu concorrendo na de Constituição e o colega Lindolfo Pires disputando a presidência de Orçamento”.
Só pra lembrar: o governo teve muitas dificuldades de encaminhar propostas nas comissões durante os dois últimos anos. Por isso, a palavra de ordem do Palácio da Redenção e bater chapa contra a oposição.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.