Em busca de maioria, Palácio passa prestigiar deputados

O governador socialista Ricardo Coutinho entregou-se sem rodeios ao velho estilo de negociação com a Assembleia, baseado na troca de apoio por cargos…
A nova fase começa a ser explicitada antes da retomada das atividades legislativas, agendada para a próxima segunda (18). Uma reunião está marcada para esta semana.
Tenta-se medir o tamanho da bancada governista, que passou de 13 para 16 deputados depois de conquistar os reforços de Iraê Lucena (PMDB), Márcio Roberto (PMDB) e Jutahy Menezes (PRB).
De olho na reeleição, o governador pode estar mudando a postura da relação com os parlamentares até então tratados a pão e água pelo Palácio da Redenção.
Essa mudança de postura foi repassada a imprensa por um deputado da base, conforme matéria veiculada no portal Paraíbamaster.
Em verdade, o governo move-se por pressão dos parlamentares no intuito de evitar novas derrotas em votações no plenário do legislativo estadual.
A preocupação dos governistas não é com relação ao pacto social ou o empréstimo da Cagepa, mas com o julgamento das contas do governo referente ao exercício de 2011.
Parece que está ficando claro que a descoordenação política do governo nada mais é do que a falta de carinho para com os deputados.
Portanto, tem outro nome: cargos.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.