Fim de linha para o suplente Márcio Roberto

Fim de linha para Márcio Roberto (Republicanos), que mantinha esperança de ganhar no Supremo Tribunal Federal (STF) o direito de assumir a cadeira na Assembleia Legislativa.

Nesta segunda-feira (10/6) o Supremo sentenciou: o suplente Márcio Roberto está impedido de assumir a vaga, deixando o deputado Bosco Carneiro, também Republicanos, no mandato.

Acabaram com o sonho do suplente os ministros André Mendonça, Edson Fachin e Gilmar Mendes. Nunes Marques deu voto a favor de Márcio. Dias Toffoli se declarou suspeito.

Vitória de Bosco por 3 a 1 e fim de papo.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.