Ação contra o segundo biênio de Adriano não prospera

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), considera legítimo o segundo biênio conquistado pelo presidente Adriano Galdino (Republicanos), da Assembleia Legislativa.

Esse entendimento significa o arquivamento da ação do PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira – que acionou a Suprema Corte do País para impedir a posse em fevereiro de 2025.

Os tucanos, ninguém sabe de onde, alegaram inconstitucionalidade da eleição. Agora, resta saber de quem foi a ideia de questionar a escolha de Adriano para os dois biênios à frente da Mesa Diretora do Poder Legislativo do Estado?

Com a decisão pelo arquivamento da ação, agora, fica o dito pelo não dito.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.