Bolsonaro é ‘quase’ cidadão de Campina Grande

Brevemente, o ex-presidente Jair Bolsonaro será adotado “filho” de Campina Grande, através de um projeto de lei que está tramitando no legislativo da cidade, uma propositura do vereador Alexandre do Sindicato (União Brasil; foto).

A iniciativa tramitava desde a legislatura passada, mas o vereador autor da nova proposta tenta acelerar a votação corrigindo falhas que continham no texto original, em especial na justificativa a proposta.

Ele (Bolsonaro) deu contribuições importantes para o país e, mais especificamente, para sendo Campina Grande, sendo, portanto, cabível a concessão da honraria”, afirmou Alexandre.

Pontuou que “no caso do ex-presidente Bolsonaro, temos um cidadão que, enquanto presidente, enfrentou uma das maiores crises de toda a história recente da humanidade, provavelmente a maior, que foi a pandemia de covid-19, com impactos sanitários, sociais, econômicos e humanitários atrozes”.

E concluiu: “O chefe da nação, contudo, a despeito de todas as polêmicas e controvérsias havidas (e muitas vezes maximizadas pela mídia), foi essencial para o oferecimento de respostas, em sede de saúde pública e de ação econômica e social, que se mostraram fundamentais para ajudar o país a atravessar aquela quadra”, arrematou o vereador Alexandre do Sindicato.

Lembrando que, recentemente, Bolsonaro se tornou cidadão pessoense e paraibano.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.