Mais incoerente do que Matheus Bezerra não há

O prefeito Matheus Bezerra (MDB; foto), de Bananeiras, inchou a folha de pagamento da Prefeitura, mas está em Brasília se queixando governo federal por causa da redução do Fundo de Participação do Município (FPM).

Segundo levantamento do portal ExpressoPB, o prefeito Matheus assumiu a gestão com 299 ocupantes de cargos comissionados e hoje esse chega próximo de 600 de servidores instáveis.

Essa postura tem sido considerada de incoerente, quando lembrado que se aumenta o número de apadrinhados, ao mesmo tempo em que reclama da redução do FPM. Matheus, como se sabe, é personagem do maior escândalo da história do município de Bananeiras.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.