Sim, no fundo do poço está o Botafogo após goleado

Perder para o Sousa não seria nada demais. Normal se tivesse sido por 1 a 0, 2 a 0 ou 2 a 1, mas tomar cinco gols numa partida decisiva é demais para os decepcionados torcedores do Botafogo, o “Belo” e agora “Feio”.

Nas redes sociais, o presidente Alexandre Cavalcanti (foto) pediu desculpas envergonhado. Nem precisava, porque não tem desculpas para esse fracasso e a mudança tem que acontecer a partir da direção do clube, que em apenas três meses de temporada contratou três treinadores.

Eu acho que eu, enquanto presidente e também torcedor, me sinto envergonhado do que aconteceu -, falou o dirigente máximo do tricolor de tantas glórias, cuja história acabou desonrada.

No mesmo vídeo, o presidente seguiu com as desculpas, esfarrapadas, é claro: “Estou aqui para pedir desculpas para a torcida, reconhecer os erros e, principalmente, tentar corrigir a tempo, porque nós temos 40 dias até o início do Brasileiro”.

E insinuou mudanças: “Acredito que medidas drásticas e urgentes precisam ser tomadas. O que for preciso fazer, nós vamos fazer, porque o Botafogo não merece estar onde está agora”.

No fundo do poço; não é presidente?