Vídeo: Operação em Itaporanga movimenta agentes do Gaeco

O foco principal da operação deflagrada hoje pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) foi o Fórum Juiz João Espínola, em Itaporanga, onde foram realizados mandados de busca e apreensão, amplamente noticiado pela mídia paraibana.

A ação pegou à população de surpresa, principalmente por causa da movimentação, nunca vista na cidade, de policiais e integrantes do grupo especial. A operação está sob sigilo. Por isso, não há maiores informações concretas do que está sendo investigado.

Nas redes sociais, circularam vídeos e fotos da ação. Os grupos de WhatsApp de Itaporanga registraram a chegada dos agentes do Gaeco no Fórum, também em endereços ligados a advogados, além de um escritório de advocacia.

Até o batismo da operação é mantido em segredo. Sabe-se, no entanto, que os mandados foram autorizados pelo Tribunal de Justiça do Estado. A Associação dos Magistrados da Paraíba (AMPB) confirmou que um magistrado foi alvo da ação.

O que se pode antecipar é que há algo de muito grave, gravíssimo no malfeito jogado no asfalto do Vale do Piancó.