Ricardo afirma que Gervásio ‘meteu os pés pelas mãos’

A entrevista que o ex-governador Ricardo Coutinho (PT) concedeu a uma emissora de rádio de Sousa, serviu para evidenciar mais uma vez estilo próprio do hoje petista de escolher seus inimigos da política, no caso específico.

Ontem, foi José Maranhão [de saudosa memória], Cássio Cunha Lima [apunhalado pelas costas], Luciano Cartaxo [idem] e Manoel Júnior [da mesma forma]. A pior das traições de Ricardo aconteceu a Luciano Agra.

Só para citar alguns e o mais recente o deputado federal Gervásio Maia (PSB), talvez merecedor a frase pronunciada por seu guru.

Pois bem. Desta vez, o ex-governador Coutinho escolheu Gervásio seu inimigo, ao proferir declarações suspeitas ao seu então aliado e sucessor na presidência do PSB-Paraíba. “Ele [Gervásio] só está interessado no dinheiro do fundo partidário,” também o tachou de “ganancioso e golpista”.

E cravou: “A moda agora é dar golpe e eu falo de Gervásio Maia. Ele se abestalhou com os recursos do fundo partidário e ficou fazendo todo tipo de manobra. Esse cidadão, sinceramente, meteu os pés pelas mãos…”

“… Fui muito amigo do pai dele. As coisas que fiz por Gervásio Filho foi muito em função da amizade que tive com o pai dele,” ressaltou.

O que é fato: eles [Ricardo Coutinho e Gervásio Maia] se merecem.

(Com informações do portal PBAgora)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.