Marcondes deixa as portas do PSC abertas para receber a filiação de Bolsonaro

Olha Marcondes Gadelha aí, gente!

O ex-senador paraibano, atualmente no exercício da presidência nacional do PSC – o atual presidente está preso -, evitou comentar sobre o possível ingresso do presidente Bolsonaro na legenda.

Chamado para o palco para confirmar a informação, Gadelha disse que prefere aguardar as negociações para “comentar o assunto”, afirmou ele ao site Antagonista.

Negou que tenha chegado a direção nacional do partido “algum fato concreto” a despeito do assunto relacionando ao envolvimento de uma possível filiação do presidente da República, que para concorrer à reeleição precisa estar filiado.

Gadelha não disse que “sim” nem que “não”, mas deixou as portas do PSC e jogou as chaves no asfalto.

One comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.