A quem interessa a unificação do PT; só não aos renegados Anísio Maia e Giucélia?

Depois de renegar a candidatura de Anísio Maia, o PT nacional agora defende a unificação do partido em João Pessoa, mas em torno do candidato do PSB, Ricardo Coutinho e não do nome próprio do partido a prefeito do maior colégio eleitoral do Estado.

Certamente, estão passando informações erradas do cenário da disputa. Talvez, de pesquisas cujos números não são verdadeiros, ou escondendo, por exemplo, o alto índice de rejeição conferido ao candidato que os petistas nacionais desejam apoiar. A propósito, o segundo mais rejeitado do país.

Presidente deposta do cargo do PT de João Pessoa com a intervenção, Giucélia Figueiredo rechaça unificar renegando o nome de Anísio: “Só existe uma possibilidade de diálogo, que é em torno da candidatura escolhida pelos nossos filiados”, disse.

Lembrando que em quatro tentativas para se livrar de Anísio, o PT nacional (leia-se Gleisi Hoffmann – logo quem) perdeu todas, a mais recente uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral, e três aqui na Paraíba.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.