Honraria a ex-governador está sendo questionada; é perda de voto

Alegando “importantes serviços prestados” do ex-governador Ricardo Coutinho, o presidente da Câmara de Mataraca e candidato a vice-prefeito da cidade, Arquimedici Bezerra, concedeu a RC o título de cidadão honorário.

Pela honraria, Arquimedici pode estar contribuído com a derrota da chapa de situação no município, pois ignora uma investigação contra o ex-governador que está viva na memória dos paraibanos, o da operação batizada de Calvário.

O político que o presidente da Câmara de Mataraca é acusado de “comandante máximo” de uma organização criminosa que desviou mais de R$ 134 milhões do tesouro estadual. Por causo disso, foi preso e bem pouco tempo usada tornozeleira eletrônica.

Candidato a prefeito de João Pessoa, o ex-governador também cumpre medidas cautelares e só pode fazer campanha até às 20h. Por isso, a homenagem está sendo questionada e considerada por aliados como “perda de voto”.

O prefeito Egberto Coutinho (foto), candidato à reeleição, deve estar torcendo o nariz.

2 comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.