Pré-candidato negocia 2 motos, uma antes e outra depois da eleição

De onde o dinheiro vem não foi revelado, mas em Pedras de Fogo o sobrinho do prefeito local, Lucas Romão, ofereceu duas motos em troca de apoio para sua eleição a sucessão do tio, Dedé Romão, cuja informação ganhou destaque por causa de áudio mostrando o crime eleitoral.

Está disponibilizado no site Politika e mostra Lucas, sem cerimônia alguma, negociando uma moto antes e outra depois das eleições em favor de Nildo do Mototáxi, que propõe a doação em troca do apoio durante a campanha de Lucas Romão. É o vale tudo do pleito em Pedras de Fogo.

Nildo: “Eu fui assaltado e estou sem nenhuma moto, tendo que alugar uma por 70 reais por semana para trabalhar. […] Aí minha proposta é a seguinte, eu quero essas três motos, se você tiver condição de me dar”.

Lucas: “A gente tem como ajudar, tem como ajudar. A gente quer você conosco. Você não vai ter nada do lado de lá[…]”, diz Lucas se referindo à oposição. E continua. “A gente ia resolver, eu e Ninho, uma pra você trabalhar, tá entendendo? Agora uma mão lava a outra”, diz o pré-candidato clara e audivelmente.

Bem, é um prato cheio para o Ministério Público e a Polícia Federal começar uma investigação e não precisa de muito esforço, até porque áudio exibe toda a negociação entre o pré-candidato a prefeito Lucas Romão e o suposto apoiador Nildo do Mototáxi.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.