Bolsonaro e o ministro Mandetta voltam a se entender; até quando?

Não para confiar de jeito nenhum, mas a reunião entre Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, foi “pacífica” e que serviu para o auxiliar do Planalto atualizar das ações do Ministério no combate ao Covid-19.

O jargão popular diz que dois bicudos não se beijam. No começo desta semana isto ficou comprovado, a partir da ameaça de demissão de Mandetta. O ministro chegou a tirar seus pertencentes das gavetas do gabinete no Ministério.

Com a popularidade em alta por desenvolver ações do agrado da grande maioria das ações, no enfrentamento ao coronavírus o ministro tem sido o personagem principal, a estrela maior. Já o presidente criticado por querer afrouxar o isolamento que Mandetta continua defendendo.

Cenas para os próximos capítulos.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.