MPF recomenda condenação de Buba Germano por improbidade

O deputado estadual Buba Germano entrou na mira do Ministério Público Federal, o MPF, após a juíza Luiza Carvalho Dantas Rego, da 6ª Vara Federal de Campina Grande julgar procedente ação civil pública por improbidade administrativa.

Conforme o processo 0801290 – 80.2017.4.05.8201, o MPF acusa Buba de ter fraudado licitação destinada à construção de casas populares no município paraibano de Picuí, enquanto prefeito daquela cidade paraibana.

As investigações mostram a identificação na contratação de empresa de fachada, tendo o Ministério Público atestado, ainda, que um dos cheques, mediante pagamento da Prefeitura de Picuí, no valor de R$ 14.161,56, fora sacado na “boca do caixa” pelo ex-prefeito e hoje deputado estadual pelo PSB.

Pior: consta no verso do cheque pagamento em nome de “Rubens Germano Costa”, que vem a ser quem: acertou quem disse Buba. Sorte dessa decisão é que o ex-prefeito e hoje deputado estadual ainda pode recorrer, e até chegar uma condenação bote tempo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.