PSB mostra a porta de saída ao ex-governador Ricardo Coutinho

Acusado de desviar dinheiro da saúde durante seu período à frente do governo da Paraíba, o ex Ricardo Coutinho está sendo “convidado” a sair do PSB pela direção nacional, cujo desejo é a expulsão por envolvimento do ex-governador em ato de corrupção comparado ao praticado por Sérgio Cabral no Rio de Janeiro.

Noticiado pelo MaisPB, o repórter Maurílio Júnior informa que “lideranças do PSB nacional iniciaram 2020 preocupados com o discurso do ex-governador Ricardo Coutinho de atribuir a sua prisão na Operação Calvário a perseguição política”.

Diz mais: “Socialistas abominam a narrativa semelhante do PT quando o ex-presidente Lula foi preso no âmbito da Operação Lava Jato”. Sem citar nome, uma liderança nacional da legenda socialista rejeita a comparação, alegando que “uma coisa não tem nada a ver com a outra”.

O interlocutor tem razão quando afirma ainda: “O que querem é nos jogar na mesma vala”. É isso que o ex-governador e ex-presidiário Ricardo Coutinho deseja. Quanto a expulsão dele do PSB, o blog já tinha antecipado que os socialistas nacionais já estão organizando o processo.

One comment

  1. Um crime semelhante no Estado do Rio rendeu mais de 200 anos de cadeia ao chefe da gang. Espero para esse verme o mesmo tratamento da justiça.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.