Ivan Burity segue preso e sabe que não tem mais tempo a perder

O manuscrito da delação do ex-secretário Ivan Burity está pronto, se já não foi entregue ao Gaeco/Ministério Púbico, e deverá ser colocado à disposição após o julgamento do seu pedido de liberdade pelo STJ – Superior Tribunal de Justiça.

Mais calmo, tranquilo e consciente de que não tem tempo a perder, Ivan tem conversado com a força tarefa da Operação Calvário, que investiga o desvio de R$ 1 bilhão da saúde, durante o governo entre 2011 e 2018.

Conforme noticiado aqui, o julgamento do pedido de soltura do então auxiliar do Palácio da Redenção acontece na próxima terça-feira (26), em Brasília. O blog foi informado que Ivan teria dito que não quer passar as festas de fim de ano na cadeia.

Portanto, as atenções de outros investigados se concentram para o julgamento do habeas corpus, sem saber que o Gaeco já tem um vasto material, quiçá de posse do manuscrito da delação.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.