Aije que causou maior escândalo das eleições paraibanas deve ser remetida ao TSE esta semana

A Aije – Ação de Investigação Judicial Eleitoral – do Empreender, aquela que passou cinco anos e dois meses para ser julgada pelo TRE da Paraíba, deve subir para julgado do TSE, em Brasília, esta semana.

O blog apurou que o desembargador Carlos Beltrão, presidente da Corte Eleitoral paraibana, recebeu o processo completo e deve estar encaminhando para Brasília no mais tardar até sexta-feira (15).

Programa do governo estadual, o Empreender, de acordo com o Ministério Público Eleitoral, “fez grande diferença nas eleições de 2014”. Foi a que reelegeu o ex Ricardo Coutinho.

A Aije do Empreender se juntará ao da PBPrev e de Pessoal, que o então governador se livrou da cassação por causa de um voto apenas.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.