Oposição mingua e oferece reforços a bancada de situação

Dos 14 deputados eleitos em 7 de outubro, a oposição só vai contar com 12 parlamentares em sua bancada a partir de fevereiro de 2019. É que dois deles vão reforçar a base de sustentação do Governo João Azevêdo.

Felipe Leitão já apontou o dedo em direção ao lado direito (Palácio da Redenção) da Praça dos Três Poderes, olhando da saída principal do prédio da Assembleia Legislativa.

Quem também está de malas prontos é Caio Roberto, deputado reeleito. Ele foi um dos primeiros parlamentares a assinar a lista de apoio a eleição do governista Adriano Galdino à sucessão da presidência da Assembleia.

Há quem diga que pode não sobrar ninguém. Ai cabe aquele velho jargão: o último a sair que apague as luzes.