Souza nega informação sobre ‘tapar buraco’; ‘não procede’

O tesoureiro estadual do PMDB, Antônio Souza, desmentiu informações veiculadas por setores da imprensa de que “anda chateado e tem confidenciado a pessoas próximas sua insatisfação em ter que ‘tapar buraco’ e cumprir as missões espinhosas que o presidente de seu partido, José Maranhão, está lhe passando ultimamente”, noticiou-se.

Segundo ele, “não sei de onde foi tirada essa informação, pois, trata-se de uma mentira que, em nada correspondente com a verdade”, e garante que “em momento algum eu me manifestei sobre as declarações que foram publicadas”. A notícia foi veiculada, conforme adiantou, “no Blog do Ninja neste sábado”.

Em resposta, Sousa continua: “Pois, para mim que não tem interesse em disputar cargos eletivos, mas milito no MDB/PMDB, desde 1974, em São Paulo, quando estudante universitário. Depois, chegando à Paraíba, ajudei a fundar o Diretório Municipal do PMDB em Picuí, em 1982, e fui presidente durante 10 anos”.

E segue: Em 2003 fui eleito Primeiro Tesoureiro do Diretório Estadual, em 2009 assumi a Presidência Estadual do Partido. Em 2013 fui eleito novamente tesoureiro. e também sou membro titular do Diretório Nacional do PMDB”. Alguma dúvida que é um dirigente atuante? Claro, que não.

Souza não esconde que gosta da atividade do partido e diz que sempre visita os diretórios municipais. Ele afirma que tem participado das movimentações dos finais de semana a convite das lideranças do seu partido “e acompanhando um aliado”, se referindo ao prefeito Luciano Cartaxo.

Isso aconteceu em Lucena e Pombal para prestigiar o prefeito Verissinho e Léo Bandeira, ex-candidato em Lucena. “Ao lado de Luciano e o vice-prefeito Manoel Júnior, este do meu partido”. Disse que “fiz com satisfação em Picuí, em 27/05/2917”.

E arrematou: “Quanto o senador José Maranhão não pode ir, sempre fui lhe representando, e irei sempre. É um orgulho pertencer e representar o PMDB e o meu amigo, Senador. Por isso, não é verdade a publicação no Blog do Ninja, a meu respeito”.