João Henrique age a ‘facadas’ com cúpula do seu partido

Incomodado com o noticiário dando conta que sua pretensão teria subiu no telhado, o deputado João Henrique (DEM) sinalizou: “Espero que não tenha sido por causa da cúpula do partido”, afirmou, em entrevista. JH deseja assumir à presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que ele conta ter sido um acordo firmado durante a eleição do colega Adriano Galdino (PSB) durante a eleição do primeiro biênio legislativo.

Quem ouve de relance, imagina que Henrique já está antecipando sua saída dos democratas, partido que faz parte da base aliada do governista PSB, exceto ele que integra a bancada de oposição. Por isso, conforme observou, estaria sendo “fritado”. No entanto, promete ir a luta, primeiramente cobrar o que tinha sido acordado anteriormente.

Depois, até admite bater chapa com possíveis adversários.