Em nota, jornalista afirma que não conceituou políticos da PB

O signatário do blog divulga um texto do jornalista Gerson Camarotti, da TV Globo, em que ele nega suposto conteúdo, divulgado aqui, que teria feito durante recente palestra em evento da Unicred, do qual participou como convidado. O escrito fala sobre uma avaliação de Camarotti dos três senadores paraibanos e o governador do Estado, onde afirma não ter feito nenhuma conceituação dos quatro políticos.

O blog divulga a nota, mesmo tendo chegada ao conhecimento do repórter através de uma nota do gabinete do senador Raimundo Lira (PMDB). Então, continue com a leitura abaixo:

 

“Li com surpresa a notícia divulgada na Paraíba distorcendo minha fala numa recente palestra que dei em João Pessoa.

O que foi divulgado não corresponde o que falei.

Fui questionado durante palestra sobre o perfil da bancada da Paraíba no Senado.

Fiz uma análise sóbria dos três integrantes da bancada, sem adjetivação positiva ou negativa.

Qualquer adjetivação tiraria minha isenção para cobrir o Senado.

Nessas mais de duas décadas na cobertura política em Brasília, a única coisa que tenho perseguido é a busca da verdade.

Por isso, fiquei chateado ao ler frases atribuídas a mim nesta palestra.

Não qualifiquei em nenhum momento qualquer um dos senadores como sendo do “baixo clero”. Até porque, na minha avaliação, não há baixo clero no Senado.

Também citei que a bancada paraibana na Câmara e no Senado refletia de forma clara um estado extremamente politizado.

Ainda fui questionado sobre eventual candidatura do governador Ricardo Coutinho à presidência da República em 2018.

Foi então que falei que esse cenário não era cogitado em Brasília. E que o nome forte do PSB numa eventual disputa, Eduardo Campos, morreu num trágico desastre de avião em 2014. Na notícia divulgada na Paraíba, mais uma vez, minha fala foi distorcida.

Fico triste que o meu nome tenha sido usado de forma indevida para distorcer fatos e análises.

No mais…”.

Obrigado pela atenção

Meu abraço,

Gerson Camarotti