Ricardo desliga transponder e reconquista Ricardo

Nos corredores do Palácio da Redenção surgiu uma preocupação esta semana no momento em que o deputado Ricardo Barbosa (PSB), por alguns momentos, proclamou sua volta as atividades parlamentares. Alegou vários motivos, entre eles projetos que tinham deixado na prateleira do seu gabinete antes de aceitar o convite do governador Ricardo Coutinho para a Secretaria de Representação do Governo do Estado, em Brasília.

A preocupação ocorreu porque uma operação de última hora foi feita para manter o suplente Raoni Mendes (DEM) na titularidade do mandato. A alternativa da retirada do também reserva Arthur Cunha Lima Filho (PRTB) era a única alternativa, depois que o dono da cadeira Buba Germano (PSB) decidiu voltar. De repente, apareceu Ricardo Barbosa afirmando que estava de volta.

Com a mesma rapidez do “estou retornando”, Barbosa anunciou que “estou de volta para Brasília”. Deu-se depois de uma conversa com o governador na Granja Santana, que ele não frequentava há meses. Retornou de forma triunfal, inclusive reconquistando o coração de Ricardo, o governador e com a decisão de ficar aonde está, então foi tratado com afago e carinho.

Não se sabe até quando.