Vereadores articulavam levar o Solidariedade para outro grupo

Sem querer estender sobre a “rebeldia” dos vereadores Felipe Leitão e Sérgio da Sac, que anunciaram a desfiliação do Solidariedade, o presidente estadual do partido, deputado federal Benjamin Maranhão, ex-PMDB, economizou palavras. Disse ele: “Autonomia tem limites”. Praticamente ignorou a postura dos parlamentares integrantes do colegiado da Câmara Municipal de João Pessoa.

Os vereadores querem sair da base do governo municipal e articulava levar o partido para outro grupo. Tanto é verdade, que estão anunciando filiação em novo partido. Não se tem conhecimento sobre a sigla que está atraindo a atenção de Felipe e Sérgio. Também, não deixou brecha para um prognóstico. O interessante que a informação foi jogada no asfalto por um assessor próximo dos parlamentares.

Quando expõe seu ponto de vista da forma como aconteceu, Benjamin mostra que vinha tendo trabalho com a dupla e a autonomia dada aos vereadores merecia, de fato, um freio de arrumação. Eles não entenderam.