Veja você, motivo da debandada do PP é falta de espaço

Isso é o que dá quando um partido se transforma numa “grande família”, sobretudo quando se tem vários mesmo exercendo mandatos políticos. O caso mais recente de rebeldia vem do PP e aconteceu nesta quarta (26), quando o vereador Edson Cruz previu uma grande debandada de parlamentares. “O último que sair feche a porta”, insinuou ele.

Cruz revelou insatisfação e isentou o presidente municipal de João Pessoa, Durval Ferreira, de qualquer responsabilidade sobre o ato assumido por ele nesta manhã. Sobre essa questão, o vereador destacou:

“Eu acredito que permaneça apenas o presidente Durval Ferreira. Eu to conversando com o PTC e PT também, já recebi convite da vereadora Raíssa Lacerda, do vereador Benilton, Chico deve ir para o PTB, Helton já está conversando com o PC do B”, disse.

Bem, a insatisfação resume-se apenas um detalhe: distribuição de cargos. O PP apóia a gestão do prefeito Luciano Cartaxo, mas o acordo para ocupação de espaços na administração aconteceu via Executiva estadual.  “Na hora de indicar os companheiros para a administração, a conversa foi feita com a executiva estadual e as indicações que teve os companheiros não foram contemplados”, concluiu.