Ricardo diz que Cássio não absolveu a derrota

Não faz muito tempo, eles eram unha e cutícula. Foram aliados da vitoriosa campanha de 2010 e passaram boa parte do governo dividindo as responsabilidades do Estado. Hoje em lados opostos – situação e oposição – o governador Ricardo Coutinho (PSB) e o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) protagonizam uma briga através da mídia.

“Ele (Cássio) não se recuperou do choque de realidade e, por isso, tem tomado atitudes reprováveis”, disse Ricardo ao se referir a derrota que impôs nas urnas ao ex-aliado Cássio Cunha Lima.

Continuando nesta linha do “bater” para não deixar o arquiinimigo sem argumento para responder, Ricardo continuou:  “Ele nasceu em berço de ouro, nunca teve que trabalhar, que ralar, sempre teve tudo de mão beijada, teve seus chiliques e não se recuperou de uma escolha que não foi feita por mim, mas pelo povo que preferiu me colocar para governar de forma legítima, honesta e correta”.

E prosseguiu: “Não tem tempo para perder com ele. A cada mentira dele vou responder com obras”, concluiu.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.