Peemedebê já fala apoiar Aécio; Manoel Jr. que rejeitou Ricardo, prefere Dilma

Uma ala do PMDB, bastante significativa, já quer apoiar Aécio Neves (PSDB) neste segundo turno da eleição presidencial. O movimento cresce de cima para baixo e já existe uma sinalização numa posição composição visando a mudança de integrantes na Mesa Diretora da Câmara Federal, em Brasília.

O movimento é observado a partir da manifestação do líder do partido na Câmara, Eduardo Cunha (RJ), reeleito deputado federal. Na Paraíba, há uma voz divergente: “Nós apoiando à reeleição da presidente Dilma Rousseff”, que destoa do partido apenas no voto ao governador reeleitoral Ricardo Coutinho (PSB).

“Infelizmente, o nosso partido aqui na Paraíba fez a escolha errada. Alguns dos nossos companheiros foram para o lado ruim, o lado que nos deu as costas durante todo o período em que esteve à frente da Prefeitura de João Pessoa”, justificou Manoel Júnior se referindo a RC.

Sobre a opção de apoiar a candidatura do tucano Cássio Cunha Lima, o deputado Manoel Júnior justificou assim: “Ele teve a coragem de divergir e assumir a postura de oposição”.