CERTIDÃO DE QUITAÇÃO DO TSE confirma elegibilidade de Cássio

Pode ter malogrado as tentativas de impugnações do registro de candidatura do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), que começou a tramitar na Justiça Eleitoral da Paraíba desde a semana passada, sendo duas delas de cidadãos comuns e de candidatos do PRP e PSB. Para a frustração, se é que assim pode ser considerado, a assessoria do tucano distribuiu nesta segunda (14), cópia de uma certidão fornecida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

O documento informa que o senador-candidato a governador nas eleições de outubro “não possui pendências com a Justiça Eleitoral, estando, portanto, apto para concorrer no pleito deste ano”. A legislação diz que a quitação eleitoral é um dos pré-requisitos para que os candidatos tenham sua elegibilidade garantida para participar da eleição.

Se é assim, derruba qualquer tentativa de afastar o tucano Cássio Cunha Lima da disputa deste ano, conforme estratégia montada por seus adversários.

No twitter, o advogado Harrisson Targino (foto), coordenador jurídico da campanha tucana, rebateu dessa forma a mais um pedido de impugnação dado entrada neste sábado (12): “Pode-se até ganhar, mas no tapetão desta vez não”. Ele reafirmou que Cássio é elegível e não se enquadra nas hipóteses previstas na Lei das Inelegibilidades, a LC 64/90, com alterações da Lei da Ficha Limpa.

Abaixo o documento:

                                    quitacao


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.