Vice-governador não acredita em ruptura, mas mostra coração dividido

A tão desejada ruptura da aliança entre o PSDB e o PSB está tirando o sono dos aliados do senador Cássio Cunha Lima. O vice-governador Rômulo Gouveia (PSD), em entrevista nesta terça (29) no programa Rádio Verdade (Sistema Arapuan) garante que não tem uma opinião formada sobre a decisão que irá tomar na hipótese do rompimento.

“Não acredito, nem cogito a possibilidade de rompimento entre o senador Cássio e o governador Ricardo Coutinho”, disse Rômulo ao destacar que “minha função é defender a manutenção da aliança”, complementou.

Difícil será convencer o povo paraibano que deseja ver o senador tucano candidato a governador na eleição do próximo ano. Rômulo afirmou que se houver a ruptura não irá se posicionar isoladamente, uma vez que agora é dirigente partidário. Vai ouvir as bases do partido e seguirá a decisão da maioria.

Talvez, nem precisará tanto esforço. Algumas lideranças já se posicionaram favorável o apoio a Cássio na hipótese dele se candidatar a governador em 2014, a exemplo da vereadora Raissa Lacerda e o então vice-governador José Lacerda Neto.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.