Vituriano Abreu: “Governador não vai a lugar algum com 50% de rejeição”

Um dado interessante foi levantado nesta terça (22) pelo deputado Vituriano Abreu (PSC), que prevê uma disputa de segundo turno nas eleições paraibanas entre dois candidatos da base de oposição ao governo. Avalia que “com 50% de rejeição o governador (Ricardo Coutinho) não se reelege em canto desse país”.

Disse que o bloco do qual pertence formado pelos partidos que ganharam a prefeitura de João Pessoa na eleição do ano passado têm nomes que podem ser candidatos a governador, tendo citado o deputado federal Leonardo Gadelha (PSC) como sendo um deles.

“É jovem, fala muito bem e tem um grande potencial. Portanto, Leonardo Gadelha tem todas condições de ser o nome do nosso grupo a concorrer o governo do Estado…”.

“… Com 50% de rejeição o governador não vai a lugar nenhum”, reiterou o deputado Vituriano.

Criticou a ordens de serviço assinadas pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). “Uma verdadeira farra de ordens, mas em cima de obras que inexistem”, afirmou.

Por fim, ressaltou que “o governador quer passar a impressão a população que está trabalhando”.

vituriano

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.