O dia em que o deputado Mineral virou uma celebridade política

Sobrou para o deputado Antônio Mineral (PSDB-foto). O que mais a platéia tucana desejaria ouvir na manhã desta segunda (23), que era o anuncio da candidatura de Cássio Cunha Lima ao governo do Estado, foi adiado para outra data.

Em seu discurso, Mineral fez o contrário.  Deitou falação a defender a manutenção da aliança com o PSB. Tomou uma sonora vaia.

“Cássio vai ser candidato a governador em 2018”, ao mesmo tempo em que Mineral manifestou sua confiança na candidatura de Ricardo Coutinho a reeleição com o apoio dos tucanos. “E vencera a eleição”.

E tome mais vaia.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.