EU SABIA: Cássio, Efraim e Damião no Conselho Político. E Rômulo?

Chegou a hora de contar vantagem. De me cobrir de glória. Não é que o governador Ricardo Coutinho (PSB) decidiu incluir o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), o deputado federal Damião Feliciano (PDT) e o ex-senador Efraim Morais (DEM) no Conselho Político que vai trabalhar a sua reeleição.

De quebra, anunciou a participação do deputado federal Luiz Couto (PT), às vias de romper com “socialistas”, que devem disputar à sucessão presidencial do próximo ano e, por isso, abandonou a base do governo petista. Couto seria usado como dissidente do grupo petista que governa o município de João Pessoa.

O governador reagiu a uma matéria noticiada no blog, quando, ao analisar os 25 nomes da tropa que vai trabalhar a campanha reeleitoral, concluiu que foram excluídos o senador Cássio, o deputado Damião, o ex-senador Efraim… E o vice-governador Rômulo Gouveia (PSD) vai ficar de fora? A menos que ele não queira fazer parte dessa “força tarefa”.

Diferentemente da exclusão de nomes ao menos ligados a Cássio, Damião, Efraim e Rômulo, também de Couto; da lista dos 25, em entrevista ao programa Conexão Direta, comandado por Luis Torres, o governador corrigiu o erro e prestigiou o blog com o seguinte anuncio:

“Evidentemente que Cássio é o nosso principal aliado; evidentemente que Efraim Morais é o nosso grande aliado; evidentemente que Damião Feliciano é nosso aliado, que Luiz Couto é nosso aliado”.

Esse é o meu título particular.

vantagem

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.