Mais uma semana de estragos

Como se sabe, o noticiário político da Paraíba mudou nos últimos 15 dias. Não se fala em outra coisa que não seja a pré-candidatura do senador Cássio Cunha Lima (PSDB). Segundo o filho Pedro, “elegível, independente se a pena de inelegibilidade foi de três ou oito anos”. A julgar por essas declarações o estrago está feito e não tem mais o que pensar: a aliança com o PSB está desfeita. Gorou!

aecio e cassioi

Outra declaração do filho do senador Cássio botou ainda mais gasolina na fogueira. Serve como reflexão: “Campina tende a votar nos candidatos de Campina (…). A cidade é muito ciosa com seus representantes”. Eita! Já disse que os campinenses não votam no governador reeleitoral.

Passando por Campina Grande nesta sexta (30), o presidenciável Aécio Neves também deixou um recado. Polêmico: “É o povo que quer a candidatura de Cássio”.

O segredo que somente seria revelado em março do ano das eleições acabou sendo antecipado. Se de forma proposital ou não só o tempo dirá. O que mais incomoda os “socialistas” é, sem dúvida, o silêncio de Cássio e o desgaste que provocou ao governo.

Medo do que?

Mas tem uma turma que está morrendo de medo. Chegam a se arrepiar quando instado a falar sobre a pré-candidatura do tucano. Os deputados que emprestam apoio ao governo na Assembeia preferem esperar os “finalmentes”.

Por temer a reação do governador, alguns parlamentares fogem da imprensa como o diabo da cruz. Chegam a pedir pelo amor de Deus que evitem perguntas sobre a pré-candidatura de Cássio, ou do rompimento da aliança com os “socialistas”.

Adoram falar em privado e torce pela volta do senador Cássio ao governo por não suportar tanta insensatez, insensibilidade… Dizem:  “não é conosco parlamentares, mas com o povo mesmo”.

Por isso, esse mesmo povo conclama o “volta Cássio”.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.