SÃO JOÃO PRA VALER: Governo torcia para dar errado

A Paraíba inteira sabe que o governador Ricardo Coutinho (PSB) torcia pelo insucesso do São João Pra Valer, promovido pela prefeitura na gestão do Partido dos Trabalhadores. Repetiu-se o que acontecia na época em que Veneziano Vital (PMDB) era prefeito de Campina Grande, que realiza o Maior São João do Mundo. Negava apoio financeiro e também segurança.

Tudo transcorreu as mil maravilhas até o último dia da festa junina do Ponto de Cem Réis, onde mais de 50 mil pessoas participavam do evento. Porém, a segurança não estava a altura da expectativa que os organizadores faziam para o momento. Poucos policiais para a grandeza do evento.

A promessa que havia sido feita de 1,5 mil policiais para João Pessoa não foi o que se viu no encerramento das festividades juninas da capital. Apenas 100 homens da Polícia Militar para dar policiamento a uma festa que atraiu mais de 50 mil pessoas. O resultado foram gangues provocando arruaças, se confrontando entre eles e levando as pessoas ao pânico.

A confusão só não foi maior porque, precavida, a prefeitura contratou empresas de segurança privada para ajudar no trabalho da segurança. Obvio, o prefeito Luciano Cartaxo (PT) protestou: “É uma pena que uma festa dessa dimensão não tenha recebido a devida atenção da parte do governo do Estado”.

Presente ao evento, a deputada estadual Daniella Ribeiro (PP) ficou solidaria com o prefeito da capital. Ela afirmou: “Falta sensibilidade ao governador”.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.