RETALIAÇÃO: Voto de Braga contra governo é seguido de exonerações

Com o governo “socialista” é assim: não cumpriu rua. É a volta da Lei “Chico de Brito”. Foi o que aconteceu com pessoas ligadas ao deputado estadual Wilson Braga (PEN), ex-governador do Estado, demitidos nesta quinta (20), conforme o Diário Oficial.

Braga, como se sabe, não votou favorável a MP-204 dos salários dos servidores como queria o Palácio da Redenção, sob o argumento de que não poderia dar um voto contrário aos funcionários.

O argumento do deputado Wilson Braga: “Não voto jamais contra o servidor público. Expliquei isso a ele (Hervázio Bezerra), mas o governador não aceitou”, afirmou Braga.

Falta de respeito a um ex-governador.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.