“Não tem acordo com o governador; ele não é confiável’, diz Maranhão

Presidente estadual do PMDB, o ex-governador José Maranhão decidiuescancarar que não quer acordo com o seu sucessor Ricardo Coutinho (PSB). “Não é confiável”, disse durante entrevista concedida nesta quinta (14) no programa Rede Verdade, da Arapuan.
Maranhão adiantou que não se sente arrependido por ter contribuído com o crescimento político do adversário de hoje, quando ajudou a eleger o “socialista” prefeito de João Pessoa.
“O nome não é bem esse, arrependimento (…). Quando se estabelece um acordo político tem-se uma mão indo e outra voltando…”.
“… Essa quebra de acordo nos permite a não ter nenhuma relação com ele, pois não é confiável tratar de aliança política com quem não cumpre acordo”.
Maranhão adiantou que não existe a menor possibilidade de reaproximação com o governador Ricardo Coutinho, que poderá entrar em “apuros” se não tiver o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) ao seu lado, apoiando a reeleição.
“A presença de Cássio na disputa do governo em 2014 é outro cenário, mas prefiro não emitir opinião ao falar sobre outro partido”, frisou o presidente do pemedebê.
O PMDB tem candidato a governador, que é o ex-prefeito Veneziano Vital. Isso é prego batido, ponta virada, conforme disse o ex-governador José Maranhão.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.