PPS do vice-prefeito comete injúria quando expõe insatisfação

Não existe outra explicação: o vice-prefeito Nonato Bandeira (PPS) teve os poderes lipoaspirados.
Por isso, veio ao banco da praça para queixar-se de insatisfação por causa do espaço que está ocupando o seu PPS na gestão petista.
Disse ele que compreende a operação realizada no sentido de atender os partidos da base aliada. Porém, trouxe a público pra deixar os petistas de orelhas em pé e olhos abertos.
O vereador Bruno Farias (PPS) entrevistado do programa Rede Verdade (TV Arapuan) concordou com Nonato.
“Todo inicio de administração exige-se acomodação, mas vamos aguardar porque ainda restam preencher o 3º e 4º escalões”, disse ele.
O PPS chora de barriga cheia, pois ocupa dois cargos, um deles de 1º escalão: Ronaldo Guerra, secretário de Infraestrutura e, ainda, Ronald Pereira, adjunto da Transparência.
Uma verdadeira INJUSTIÇA, com letras maiúsculas mesmo.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe uma respostaCancelar resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.