Clima no PMDB ainda é de vaca desconhecer bezerro

O PMDB de João Pessoa está longe, muito longe, da unidade. O estopim da bomba mais recente dadivergência interna é a indicação do filiado Assis Freire para compor o secretariado do prefeito Luciano Cartaxo.
A reação veio do vereador Fernando Milanez (PMDB-foto). Ele não pretende levar em consideração a posição do partido para se posicionar no plenário da Câmara Municipal de João Pessoa.
“A conduta segue a mesma de antes; tomam as decisões sem ouvir ninguém”, disparou Milanez.
Como se sabe, a indicação de Assis Freire para o cargo de secretário de Desenvolvimento Urbano da capital é da cota do deputado federal Benjamim Maranhão, presidente do PMDB de João Pessoa.
A vontade de Milanez é deixar o partido sem sofrer ameaça de perder o mandato por infidelidade partidária.
É o que pretende a filiação do parlamentar a legenda peemedebista.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.