Suspeito de planejar morte de prefeito dorme na cadeia

O homem que teria planejado a morte do prefeito Daniel Galdino (PP), de Piancó, na Paraíba, após passar por audiência de custódia, foi encaminhado ao presídio Romero Nóbrega, em Patos.

Responsável pelo inquérito, o delegado Cristiano Jacques confirmou que o suspeito é pai da ex-vereadora Priscila Zomim, que perdeu o mandato por causa de uma ação que identificou fraude na cota de gênero.

A ação junto à justiça eleitoral teria sido movida pelo grupo político liderado por Daniel Galdino, e sua mãe a ex-prefeita Flávia Galdino, motivo do plano para assassinar as duas lideranças da cidade.

O suspeito foi preso durante a Operação “Ponto Final”, que salvou à vida do prefeito. Foi deflagrada na última quinta-feira com prisões e busca e apreensão dos investigados.