Anísio desiste da CCJ e deixa caminho livre para Trócolli

A beira de chutar o pão da barraca, o deputado Anísio Maia (PT) mostra desinteresse com a presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Deve ter percebido que não tem a simpatia dos governistas para estar no posto, e que a prioridade é por alguém que está com livre trânsito no Palácio da Redenção. Por isso, a missão será confiada ao deputado Trócolli Júnior (PROS), até pela longa experiência com o parlamento estadual.

Portanto, ao que tudo indica, o caminho está livre para Trócolli. A Comissão de Constituição e Justiça é a mais importante da Assembleia. Por ela, passa as matérias que podem ser transformadas em leis e mexe como a vida do cidadão e cidadã. “Eu fiquei enjoado com o tipo de discussão estabelecida, de saco cheio como se diz no ditado popular”, reagiu Anísio.

Como é possível observar, o petista jogou a toalha e deixa o caminho livre para o colega de bancada de governo Trócolli Júnior.