Quem sabe mais, Eliza ou colegas dela da Câmara?

Vereador-líder da bancada do prefeito, Fernando Milanez Neto (PTB) obteve o pedido de desculpa da deputada-suplente Eliza Virgínia, que tachou os colegas da Câmara de “analfabetos”, depois da rejeição de um projeto de autoria dela na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Disse a hoje parlamentar estadual: “Precisam estudar mais”.

“Não podemos, em nenhum momento, retratar a Constituição Federal com estado de exceção e não acredito que Eliza teve a intenção de denegrir a imagem de quem quer que seja, muito menos do poder que ela faz parte”, disse Milanez Neto.

Eliza pediu desculpas, mas não se retratou das declarações que “precisam (vereadores) estudar mais”.