Lira reage as críticas do governo e dos socialistas

O senador Raimundo Lira (PMDB) deu mostras que não é subserviente de ninguém, muito menos do governista PSB. E, em resposta as críticas dos socialistas, ele cravou:

“Esse voto não tem nada a ver com Aécio, mas sim com a autonomia do Senado. Agora, cada pessoa ou partido enxerga de uma forma. Cada um dá sua opinião e tem a convicção de achar o que é certo”.

E prosseguiu lembrando aos desavisados de plantão:

“O sistema brasileiro é democrático e democracia é respeito as posições de cada um. Não somos obrigados a fazer tudo aquilo que não é de sua convicção”.

As criticas dirigidas a líder do PMDB no Senado teve o aval do governador Ricardo Coutinho, o mandachuva do Partido Socialista Brasileiro.