Lígia evita polêmica e diz torcer por vitória do projeto

A médica Lígia Feliciano (PDT), vice-governadora do Estado, concorda que o seu parceiro das eleições de 2014 permaneça até o fim do mandato em dezembro de 2018. Ou seja, que o governador não seja candidato a senador no ano que vem.

“Ele já disse por diversas vezes que pretende continuar até o fim do mandato e eu concordo com ele; é um gesto de grandeza de não pensar no seu projeto pessoal e estaremos juntos até o último dia, lutando por esse projeto que sairá vencedor”, disse.

Resumindo: Lígia não será candidata a nada em 2018 e fica no cargo de vice, isso se o titular não decidir concorrer as eleições do próximo ano, como previsto.

Visitante – Nesta manhã, Lígia anunciou a presença do presidenciável Ciro Gomes, do seu partido, a Paraíba. A visita deverá acontecer antes do fim do ano.